Download e-book for kindle: A INDÚSTRIA DA FELICIDADE: A TRISTEZA SISTEMATIZADA COMO by CLEBERSON EDUARDO DA COSTA

By CLEBERSON EDUARDO DA COSTA

ISBN-10: 1499336969

ISBN-13: 9781499336962

(a5, 132 páginas) - Dentre as muitas correntes de pensamento que, aos seus modos, procuraram e/ou procuram abordar os problemas da chamada tristeza profunda, angústia e/ou melancolia (chamada também no mundo pós-moderno de depressão) apresentar-se-ão, aqui, algumas delas:
1-As de caráter psiquiátrico e/ou psicológico;
2-As de caráter antropológico;
3-As de caráter teológico;
4-E as de caráter filosófico-existencialista.
II
Na unidade I, abordaremos a primeira corrente, que é formada por psiquiatras e/ou psicólogos que, doravante, definem a depressão, chamada por eles de tristeza profunda, como sendo uma espécie de “doença psychological” pós-moderna e, que, nesse sentido, deve ser combatida – buscando-se a cura do indivíduo por ela acometido – com o uso sistemático de remédios, conhecidos estes como “antidepressivos e/ou estabilizantes do humor, etc.”
Na unidade II, de uma forma crítica, desenvolveremos as nossas proposições sobre a chamada Indústria da Felicidade, específica das sociedades pós-modernas capitalistas, caracterizando-a com as ideias de:
1-“Patologização da tristeza”;
2-Formação de uma espécie de “sociedade dos hipocondríacos”, entendida esta como sendo uma forma ideológica de alavancar e sistematizar, em escala worldwide, a chamada “Indústria Farmacológica e/ou da venda de remédios (em especial os dos chamados antidepressivos e/ou ditos “estabilizadores de humor”).
Na unidade III, saindo do plano das explicações médicas-científicas (psiquiátricas e/ou psicológicas) – que entendem e definem a tristeza profunda, angústia e/ou depressão como doença –, entraremos nas perspectivas epistemológicas de outras três correntes, que trazem outras interpretações, a saber:
1-As antropológicas neoevolucionistas (isto é, aquelas que procuram atrelar a ideia de angústia, tristeza profunda e/ou depressão, não como doença, mas como um processo de caráter evolutivo, isto é, de novas exigências sociais de adaptabilidade humana). Nesse sentido, partindo-se das proposições de Charles Darwin, veremos como é que pesquisadores da chamada corrente neoevolucionistas procuram compreendê-la como uma espécie de “mal necessário”, ou seja, como se ela, a chamada angústia, depressão e/ou tristeza profunda, além de não ser exatamente uma doença, tivesse também um chamado “lado bom.”
2-As de fundamentação teológica, ou seja, aquelas que associam a angústia, depressão e/ou a tristeza profunda às causas dos chamados men da alma e/ou do espírito, sendo a mesma, por eles, entendida também como sendo o resultado do afastamento do homem de Deus, fruto do pecado e/ou da impossibilidade (não se tendo fé) de se querer compreender, pela razão, aquilo que só seria possível de ser entendido por meio da fé.
3-As filosófico-existencialistas, isto é, aquelas que associam a angústia, depressão e/ou a tristeza profunda às consequências específicas de uma suposta “existência inautêntica” e/ou então de uma suposta “condição humana desumana”, entendidas, pelos chamados filósofos da corrente existencialista, como uma espécie de náusea, desespero e/ou então de angústia social profundas, sintetizadas pela ideia da “perda do sentido da existência”.
III
Esperamos que, essa obra, de alguma forma, possa contribuir à formação de uma geração não somente mais saudável do ponto de vista físico e/ou psychological (orgânico), mas também espiritual, já que, em filosofia, ideia significa o mesmo que espírito.

Show description

Read or Download A INDÚSTRIA DA FELICIDADE: A TRISTEZA SISTEMATIZADA COMO DOENÇA & A APOLOGIA DO VÍCIO EM ANTIDEPRESSIVOS (Portuguese Edition) PDF

Best consciousness & thought books

New PDF release: Normativity and the Will: Selected Essays on Moral

Normativity and the need collects fourteen very important papers on ethical psychology and sensible cause by means of R. Jay Wallace, one of many major philosophers presently operating in those parts. The papers discover the interpenetration of normative and mental matters in a sequence of debates that lie on the center of ethical philosophy.

Download e-book for kindle: David Hume: Moral and Political Theorist by Russell Hardin

Russell Hardin provides a brand new explication of David Hume's ethical and political concept. With Hume, he holds that our normative perspectives could be scientifically defined yet they can not be justified as precise. Hume argued for the mental foundation of such perspectives. particularly, he argued for sympathy because the mirroring of the mental sensations and feelings of others.

Read e-book online History, the Human, and the World Between PDF

Heritage, the Human, and the realm among is a philosophical research of the human topic and its simultaneous implication in a number of and sometimes contradictory methods of understanding. The eminent postcolonial theorist R. Radhakrishnan argues that human subjectivity is usually constituted “between”: among subjective and goal, temporality and historicity, being and figuring out, the moral and the political, nature and tradition, the single and the various, identification and distinction, adventure and approach.

Death: A Philosophical Inquiry by Paul Fairfield PDF

From Nietzsche's pronouncement that "God is useless" to Camus' argument that suicide is the elemental query of philosophy, the concept that of demise performs an immense position in existential phenomenology, attaining from Kierkegaard to Heidegger and Marcel. This booklet explores the phenomenology of demise and gives a different means into the phenomenological culture.

Extra resources for A INDÚSTRIA DA FELICIDADE: A TRISTEZA SISTEMATIZADA COMO DOENÇA & A APOLOGIA DO VÍCIO EM ANTIDEPRESSIVOS (Portuguese Edition)

Sample text

Download PDF sample

A INDÚSTRIA DA FELICIDADE: A TRISTEZA SISTEMATIZADA COMO DOENÇA & A APOLOGIA DO VÍCIO EM ANTIDEPRESSIVOS (Portuguese Edition) by CLEBERSON EDUARDO DA COSTA


by Joseph
4.0

Rated 4.07 of 5 – based on 15 votes